Agências Nacionais e Internacionais

Loading...

Municípios do Maranhão

Loading...

Busca

Carregando...

terça-feira, 3 de março de 2015

Coluna do Hélcio

Bom dia meus amigos e minhas amigas desse Brasilzão...

Dois projetos do Pedro


Faz tempo que não falo com o Pedro. Conversei com Chico e Denys, dois assessores do Pedro, que me disseram que o Pedro - sim, o Pedro - é agora o coordenador da bancada federal do Maranhão na Câmara dos Deputados. A bancada do Maranhão foi coordenada durante 12 anos pelo Sarney Filho. Esqueci de perguntar ao Chico  e ao Denys a posição do Pedro sobre a "Bolsa Esposa"...  A bolsa tá caindo... Deve cair hoje!
Por falar em cair: fico preocupado com essa subida acelerada do dólar!
O Pedro (Deputado Pedro Fernandes), quando candidato a prefeito de São Luís, na eleição de 2008, anunciou seu plano de governo com algumas pequenas promessas com recheio de bobagens, como distribuição de pãozinho de graça (acho que ele pensava em transformar a prefeitura numa padaria: Padaria Daniel de La Touche!...
Mas também havia muita coisa boa nas propostas do Pedro.
Estava no projeto do candidato Pedro Fernandes a construção de estacionamento subterrâneo em São Luís. Estacionamento no centro da cidade de São Luís é um problema sério. É um desafio para a administração pública.
Disse-me Pedro que seria construído um grande estacionamento da praça Deodoro até a praça Pedro II, tudo por baixo: estacionamento subterrâneo para milhares de carros.
Certa vez perguntei ao Pedro:
- Tens estudo técnico para a execução desse projeto? É viável? e os impactos ambientais?
Pedro Fernandes é engenheiro e já se debruçava nesses estudos... (Não sei se o Pedro continua com essa ideia ou se ainda lembra a conversa que tivemos).
Ah!, em tempo: Perguntei também ao Pedro sobre os recursos para a obra. Ele disse que precisaria também da participação do setor privado.
Outra preocupação do Pedro, durante a campanha, era sobre o tal/dito/ruim/ serviço de transporte público da cidade (em minha opinião e do outro Pedro - o Pedro Gomes - latas/velhas servindo de transporte público).
Pedro (o Fernandes) prometia um novo modelo de transporte público para São Luís, com ônibus modernos e novos (zerados), além de consagrar a cidade com o sistema VLT. Os ônibus novos - todos - seriam obrigatoriamente dotados de ar condicionado...
Mas o Pedro perdeu eleição...
Tirando a padaria, até que o projeto do Pedro era bom. São Luís estaria bem diferente.
  
Eu nasci menino




Quando eu nasci menino na maternidade da rua dos remédios (rua dos remédios é uma continuação da rua do passeio e vice-versa), a nossa cidade de São Luís era muito pequena. Vi bondes como transporte coletivo. Saudade!... Não havia grandes e graves problemas de mobilidade urbana. A cidade cresceu, mas a inteligência política foi diminuindo... A parte urbana da cidade que começava na hoje beira-mar (antes, praia do caju) ia por linha reta até o canto da fabril, onde morava Cesar Aboud; e abrindo os braços das  margens do bacanga às margens do rio anil... Porém, um pouco mais distante já estavam vivas as localidades do João Paulo, Anil e Tirirical, onde se localizava o aeroporto do Tirirical, hoje Hugo da Cunha Machado. Maioba, maracanã, mata, pedrinhas e estiva faziam parte da zona rural.   
Na cidade antiga, no tempo do "eu" aqui moleque, havia apenas dois mercados: o Mercado Central (ainda hoje vivo) e o Galpão, que não mais existe... Eram locais onde a gente deliciava gostoso mingau de milho.
Depois a cidade cresceu... Porém, ainda tem mingau de milho no Mercado Central.
E até que demorou algumas décadas para surgir essa frota de latas velhas que estão chamando de transporte coletivo!...
Até quando, meu Maranhão?!!!... Quando vamos ter ônibus de boa qualidade com ar condicionado? O povo merece ou não merece?...
O calor aqui é brabo...

Como é que o Ministro vai sair desta?...

Li agora na Coluna do Cláudio Humberto:

Advogado amigo de Cardozo é sócio de Teixeira

Um “achado” da Polícia Federal no escritório do doleiro Alberto Youssef intriga a força-tarefa da Lava Jato: o contrato social da empresa de consultoria Instituto Tebar, do deputado estadual Luiz Fernando (PT-SP). Ele é irmão de Luiz Tarcísio Teixeira Ferreira, sócio de Sergio Renault, o advogado da empreiteira UTC que manteve controvertido encontro extra-agenda com o ministro José Eduardo Cardozo (Justiça).


Vai cair a 'Bolsa Esposa'

O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, disse que a Mesa Diretora se reunirá hoje para rever a decisão de permitir a compra de passagens aéreas para cônjuges dos parlamentares.  Segundo ele, houve um recuo em relação à decisão da última quarta-feira (25) por causa da repercussão da medida na opinião pública.
“Estamos sempre subordinados à vontade da opinião pública. E se nós fizemos algo que a repercussão não está positiva, cabe a nós fazermos mea culpa e corrigirmos”...
Aleluia!!!

A avenida partiu de margem a margem: foi um rasgão!



O governo do Maranhão determinou que seja feita auditoria, com a participação do Conselho Regional de Arquitetura do Maranhão, na Via Expressa, uma avenida inaugurada no final do Governo Roseana. A avenida, em menos de três meses, partiu-se ao meio. Não aguentou a primeira grande chuva.

Já saiu a lista?... Não? Mas vai sair...

Vai sair hoje a lista dos mergulhadores da Lava Jato... É hoje! Vamos aguardar... Políticos muitos à beira de um ataque de nervos!

segunda-feira, 2 de março de 2015

Bolsa esposa!... Uma afronta ao povo da Nação Brasileira...

Não adianta. O povo está contra. Ninguém aceita esta tal de bolsa esposa...
E para continuar o protesto, reproduzo esta notícia abaixo:

Para PSDB, pagamento de passagens para cônjuges de parlamentares é uma vergonha inadmissível

Para o líder do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio (SP), e para a terceira secretária da Casa, deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP), o pagamento de passagens aéreas para esposas e maridos de parlamentares está na contramão do que a sociedade espera de seus representantes no Congresso.
O benefício foi aprovado pela Mesa Diretora da Câmara, com o voto contrário da deputada, representando a opinião do partido.
Segundo o líder, os deputados tucanos não usarão esses recursos. “É inaceitável que, num momento em que a sociedade é penalizada com o aumento de impostos e alta nos preços, conceda-se esse privilégio aos parlamentares. É um total desrespeito com os brasileiros, que já estão pagando o preço da incompetência do governo Dilma e agora, terão de arcar com essa mordomia. É um contrassenso. O PSDB não fará parte dessa vergonha, também em respeito aos próprios cônjuges de seus parlamentares”, afirmou Sampaio.
Para a deputada Mara Gabrilli, a Câmara não pode cometer o mesmo erro e a desfaçatez do governo, que exige sacrifícios da sociedade e não faz a sua parte. “A Câmara tem de dar o exemplo e abrir mão de despesas como essa, que a distanciam ainda mais de seus representados”, afirmou.

domingo, 1 de março de 2015

Roberto Freire conclama as oposições a reagir ao tarifaço de Dilma-Levy


O presidente nacional do PPS, Roberto Freire, conclamou, neste sábado (28), as oposições a reagirem ao tarifaço  anunciado por pelo governo Dilma. Para ele, a elevação de tributos em até 150% das alíquotas da contribuição das empresas que foram beneficiadas pela desoneração da folha de pagamento não vai ajudar o país a sair da crise econômica.
"Esse pacote de maldades não vai resolver o problema do país.Os partidos de oposição têm de se unir para rejeitar essa Medida Provisória na sua integralidade", defendeu.
Segundo Freire, com as novas medidas a “dupla Dilma-Levy” conseguiu, de uma tacada só, a proeza de desagradar os trabalhadores, a classe média  e o empresariado. “Esse arrocho atinge diretamente a população.Talvez apenas o setor que o ministro da Fazenda representa tenha sido contemplado, detrimento do conjunto da nação”, criticou
A MP do tarifaço foi editada no Diário Oficial na sexta-feira passada.
Para o dirigente, ao invés de aumentar a carga tributária do setor produtivo, Dilma deveria reduzir o inchaço da máquina pública,  diminuir  os “emblemáticos” 39 ministérios, a quantidade de cargos comissionado a e a corrupção desenfreada, que, em sua avaliação, “é uma marca indelével dos tempos de Lula e Dilma”.
“O PPS tem a clareza de que ajustes são necessários, mas deveriam  ter sido feito lá atrás. Agora, os brasileiros estão pagando a conta da  irresponsabilidade  de Dilma em seu primeiro mandato e das péssimas opções adotadas por Lula”, afirmou.

UM CAPÍTULO EMOCIONANTE

Carlos Chagas

Decidiu o Procurador Geral da República não denunciar ninguém junto ao Supremo Tribunal Federal, mas apenas pedir a abertura de inquérito para os suspeitos de envolvimento no escândalo da Petrobras que são parlamentares. Os que já foram e não são mais serão julgados pelo juiz Sérgio Moro, na primeira instância da justiça Federal do Paraná.

Aguarda-se para a próxima semana a iniciativa de Rodrigo Janot, bem como a imediata resposta do relator dos processos, ministro Teori Savaski, da mais alta corte nacional de justiça, determinando a abertura dos inquéritos.

Antes, havia deputados e senadores à beira de um ataque de nervos. Agora, muitos já se encontram em tratamento, certos de integrar a lista do Procurador. Não dá para relacionar quais, menos para evitar acusações falsas, mais por conta da possibilidade de omissões.

Prevê-se julgamentos demorados, abrindo-se a cada um dos participantes da lista amplo direito de defesa. Haverá investigação particularizada em cada caso. Os parlamentares continuarão desempenhando suas funções, mas será difícil atuarem como se nada tivesse acontecido. Não foi apreciada, até hoje, a emenda constitucional de autoria do ex-senador e agora deputado Jarbas Vasconcelos, que determina a imediata perda de mandato para quem tiver sido condenado pelo Supremo. Sendo assim, os possíveis sentenciados a penas de prisão, se não renunciarem, passarão pelos Conselhos de Ética e, depois, pela votação em plenário. Estará em aberto a esdrúxula situação de um deles ter sua prisão decretada pelo Supremo mas continuar deputado ou senador, ainda que sem poder exercer o mandato na cadeia.

Em suma, jamais o último capítulo, mas certamente um dos mais emocionantes dessa novela de horror estará sendo encenado a partir, provavelmente, da terça-feira. Quanto às ameaças à integridade física de Rodrigo Janot, haverá que aguardar as diligências da Polícia Federal, mesmo parecendo impossível terem partido de algum parlamentar.

MELHOR ABRIR O LEQUE

A Câmara dos Deputados recusou seguir o exemplo do Senado, que designou uma comissão de senadores para viajarem à Venezuela, examinando supostas lesões aos direitos humanos. 

A vida espiritual no além

Djalma Santos*

“Disse-vos já que nada compreendia além do meu crime, e que não podia abandonar a casa em que o cometi, a não ser a vagar no espaço, solitário e desconhecido; disso não poderia dar-vos uma ideia, porque nunca pude compreender o que se passava. Desde que me alçava no espaço, era tudo trevas e vácuo, ou antes, não sei mesmo o que era. Hoje, o meu remorso é muito maior, no entanto, não sou constrangido a permanecer naquela casa fatal.” (Alan Kardec - O Céu e o Inferno , 2a parte. Cap. VI. Questão 17).

Mesmo depois que o espírito imortal passa por dezenas e dezenas de reencarnações sucessivas, no processo de ir para o mundo espiritual pela morte, e voltar ao mundo físico pelo nascimento, o homem terreno pouco sabe o que acontece do outro lado da vida; e, quando é surpreendido por esse mecanismo natural e biológico, que chamamos de “morte”, sente-se inseguro, porque não sabe o que o espera, e dificilmente está suficientemente educado para atravessar as águas enigmáticas do rio da “morte”.

CNBB disponibiliza cartilha sobre projeto de reforma política

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) está divulgando, por meio do Centro de Pastoral Popular, a cartilha “Reforma política democrática já – o sistema político a serviço do povo”.
Na divulgação da CNBB, que publico hoje no blog, há uma frase importante que mexe profundamente na atual estrutura política brasileira... Há no documento este texto no dizer de dom Joaquim Giovani Mol:  

“Nossa fé não permite que fiquemos de braços cruzados diante de tantos desvios de conduta e de recursos no mundo da política”...
O bispo lembra da importância do serviço ao bem de todos, “especialmente dos mais pobres, e não para o bem particular dos eleitos, seus familiares e seus grupos financiadores”.

Clique em leia mais para conhecer o texto completo da CNBB

SEMEAR O BEM NO CORAÇÃO DOS FILHOS


Lúcia Moysés*






Pais que têm mais de um filho dificilmente escapam das comparações que estabelecem entre eles. Traços de personalidade, tendências, tipo de temperamento, por vezes, completamente distintos, manifestados desde os anos iniciais da infância os levam a indagar a razão de tanta diferença. Do ponto de vista científico, as respostas são encontradas na velha discussão acerca da hereditariedade versus meio. Na busca de argumentos a favor de uma ou outra corrente muita pesquisa já foi realizada, redundando em incontáveis produções intelectuais.

A Doutrina Espírita, porém, baseando-se no princípio da reencarnação, apresenta a esse respeito um argumento pleno de lucidez. Somos seres interexistentes. A alma que em nós habita já viveu antes e continuará viva após a nossa morte no corpo físico. Apenas mudará de estado. Na Terra, está presa à matéria; no espaço, encontra-se livre dos liames físicos. Muda na aparência, mas permanece a mesma na sua essência.

Coluna do Jersan

GASTANÇA NA CÂMARA FEDERAL

Jersan Araújo



O novo presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) já decretou: vai construir mais quatro prédios no entorno do Congresso Nacional para acomodar, melhor, deputados e assessores, além de um plenário mais amplo e luxuoso ao custo superior a R# 1 bilhão. Poderá ser uma parceria pública – privada, onde, nesse caso a empresa que vencer a licitação poderá explorar o negócio de shop per Center que compõe o negócio.

As críticas a esse “empreendimento” é sustentada pelo momento de crise econômica, recessão, inflação alta, falta de investimentos em obras de interesse do país, juros altos e corrupção generalizada. Controlar tudo isso, dando fim à bagunça administrativa é tarefa, também, dos nossos representantes, mas, ao contrário de se preocuparem com essa caótica situação, promovem mais gastança visando os próprios conforto e interesses.

Um deputado federal que poderá ter até 25 assessores lotados em Brasília ou em seus estados de origem, custa aos cofres públicos (cada um) nada menos de R$ 200 mil / mês. E quem paga a conta? Claro, “nós”.

sábado, 28 de fevereiro de 2015

O dever de casa

Renan Calheiros









O Senado Federal começa a se debruçar sobre temas mais prementes da atualidade. Marcamos para o início de março as votações das proposições relativas à Reforma Política. Algumas serão votadas no Senado e outras na Câmara dos Deputados.

Temos prontas para votação 10 proposições que abarcam temas fundamentais da reforma, como um novo modelo de financiamento de campanhas, a proibição das coligações nas eleições proporcionais e a duração dos mandatos do executivo.

Avançamos ao aprovarmos a redução do número de suplentes e vedando a postulação aos parentes, diminuindo à metade a exigência para leis de iniciativa popular, a ampliação do voto aberto e agravamos o crime de corrupção. Mas seguimos devendo à sociedade uma Reforma orgânica.

Nosso sistema proporcional é anacrônico. Ele não reflete a vontade popular e  ajuda a fragmentação partidária, gerando instabilidade. Ninguém entende como um candidato, com 700, 400 e até 275 votos, como já ocorreu, assuma um mandato na Câmara dos Deputados. O voto transferível é uma deformação que estimula as legendas de aluguel.

No financiamento de campanha é oportuno olhar com atenção o modelo que limite o valor da doação a um teto da campanha do candidato, algo em torno de 5%, 7% do valor total da cada campanha por empresa.

O financiamento exclusivamente público, ainda que meritório por igualar a disputa, é  impraticável.  Na última eleição municipal foram 500 mil candidatos. Essa quantidadei inviabiliza qualquer iniciativa neste sentido.

De outro lado vamos realizar sessões temáticas envolvendo temas que mais afligem o Brasil: a crise hídrica, elétrica, a segurança pública e Reforma Política. As sessões temáticas são um excelente fórum para aprofundarmos o debate destes temas.


Coluna do Hélcio

Bom dia meus amigos e minhas amigas!

Outros já haviam passado por aqui. Oficialmente, no entanto, quem fundou a cidade foi Daniel de La Touche  - O Senhor de La Ravardière! Mas os portugueses chegaram e expulsaram o Daniel...
Não demorou muito tempo e lá se vem a turma da Holanda!  Em novembro de 1641, cortando os mares do atlântico, sob o comando de Pierre Boas, chega pelas águas maranhenses uma expedição holandesa (Dizem que os holandeses aportaram na praia do desterro). A tropa holandesa tomou conta da cidade de São Luís, provocando destruição e medo.
A ocupação holandesa durou até o ano de 1644, precisamente até o dia 28 de fevereiro, data exata em que as tropas do capitão Antônio Teixeira de Melo expulsaram definitivamente os holandas das terras maranhenses...  Capitão Teixeira de Melo encontrou a cidade praticamente em Ruínas...
Portanto, hoje, dia 28 de fevereiro de 2015, completam-se 371 que o capitão Teixeira de Melo expulsou os holandeses das terras do Maranhão.
Qualquer repetição do caos, em qualquer época ou ao longo dos muitos tempos, é mera coincidência de história repetida!

Ele é Dilmista...


Ele é dilmista... Portanto! Vejam:  Ele apoia tudo de ruim (ou malfeito) que a Dilma tá fazendo, inclusive o aumento na conta luz... Ou não é?!!!
Li agora no Portal Nacional do PC do B a seguinte notícia:

"Nordeste unificado"

"Flávio Dino reunirá governadores na “defesa constitucional” de Dilma."
"Após se reunir com a presidenta, Flávio Dino anunciou que vai procurar nos próximos dias os governadores do Nordeste para pedir que, juntos, todos façam a defesa constitucional do mandato de Dilma e rejeitem a proposta de impeachment apresentada pela oposição."

Porrada na gente! Aneel aprova aumento de até 39% para contas de luz


A partir da próxima segunda-feira (2), a conta de luz vai ficar mais cara para consumidores atendidos por 58 concessionárias. A revisão tarifária extraordinária para essas empresas foi aprovada ontem (27) pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), e a previsão é de um aumento médio de 23,4%.

Estamos pagando tudo no quilo... 


Prestem atenção! Estamos pagando tudo no quilo (ou por quilo). O quilo do tomate, da banana, do quiabo... E já vamos começar! A conta da luz acho que estão querendo cobrar por quilo, a tarifa da água por quilo...  E em muito breve eles vão nos cobrar a passagem do vento. Só que o peso do vento pode ser muito forte e vai derrubar o mercado; e ainda leva nosso dinheiro!... Minha avó dizia sempre:  “tudo no peso é mais caro”... Êta governo da peste!...

No Paraná a energia sobe 36,8%


Li agora na Gazeta do Povo:
Tarifa de energia sobe 36,8% no Paraná na segunda-feira...
Para as residências, o aumento será de 31,8% e, para a indústria, de 38,9%. Reajuste extraordinário da Copel foi definido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Dilma deve R$ 1 bilhão aos municípios do Paraná

Do portal do PSDB-PR



O governo federal deve mais de R$ 973,2 milhões, em restos à pagar, aos 399 municípios paranaenses. São recursos para obras e outros serviços, executados pelas prefeituras, e que dependem de repasses da união para sua conclusão ou andamento. “A maior parte é problema de caixa mesmo do governo federal. Outra parte é referente a problema burocráticos como vistorias e medições, mas o que mais tem é atraso (de repasse) para obras”, disse o presidente da Associação dos Municípios Paranaenses, Luiz Sorvos (PDT), prefeito de Nova Olímpia. A Confederação Nacional dos Municípios, que fez o levantamento, diz que o montante devido às prefeituras de todo o país atinge R$ 35 bilhões.
As dez maiores dívidas do governo com as prefeituras paranaenses são com as cidades de Curitiba (R$ 228,4 milhões), Londrina (R$ 41,9 milhões), São José dos Pinhais (R$ 30,7 milhões), Cascavel (R$ 19,8 milhões), Ponta Grossa (R$ 18,5 milhões), Guarapuava (R$ 16, 6 milhões), Colombo (R$ 15,3 milhões), Araucária (R$ 14,9 milhões), Rolândia (R$ 14 milhões) e Foz do Iguaçu (12,1 milhões). As 10 maiores dívidas do governo Dilma com as cidades do Paraná somam R$ 412,7 milhões.
Aos 19 municípios que compõe a Associação de Municípios dos Campos Gerais, no centro do Paraná, este valor chega a R$ 48,3 milhões. Das sete maiores cidades, apenas Maringá acumula um crédito relativamente médio com a União, de R$ 9,8 milhões. “Se estamos tendo problemas agora, esse ano de 2015 será mais difícil ainda. O governo federal não terá recursos para novas obras e novos convênios. O FPM (Fundo de Participação dos Municípios), que em média repassa R$ 600 mil aos pequenos municípios e representa 70% do orçamento deles, vem em queda sistemática”, disse Sorvos.
Recessão – “Isso nos preocupa e muito porque são sinais que entramos em recessão”, completa Sorvos. A AMP e a CNM estão em campanha para mostrar os prejuízos que a atual crise econômica causa aos municípios. De acordo com a CNM, a crise das prefeituras foi agravada em 2015 por fatores como as secas, inundações, reajustes nas tarifas de energia, apagões, o acúmulo de atribuições das prefeituras em relação ao Estado e à União e o atraso nos repasses federais.
Sorvos reforça os argumentos. “Os municípios estão passando por uma grave crise. Por isso, defendemos uma urgente revisão do pacto federativo, que permitiria às prefeituras ter mais recursos para honrar seus compromissos e fazer os investimentos necessários à melhoria das condições de vida da população”, disse.
A campanha tem sete bandeiras: leis que potencializem a arrecadação própria; atualização dos programas federais pelo INPC; ampliação dos recursos do Fundeb; ampliação dos recursos para a saúde; encontro de contas da Previdência; ampliação do orçamento para ações de reparo aos efeitos da seca; e destinação de recursos para o combate de drogas, com ênfase no crack.

Hoje é dia de Feira...


Você vai fazer feira hoje?... Cuidado! tá tudo caro... Frutas e verduras custando o olho da cara;..
Vai ao Supermercado... Tá mais pesado ainda... Arroz, farinha, feijão, açúcar...  Tudo mais caro! A inflação voltou!...
Ninguém aguenta mais!... 

FHC ironiza Dilma em foto com cédula de Real: “Foi FHC”

Depois de Dilma Rousseff se basear na delação premiada de Pedro Barusco para atribuir o início da corrupção na Petrobras ao governo de FHC, as redes sociais não perdoaram a presidente.
As piadas diziam que a culpa pela extinção dos dinossauros caberia a FHC, assim como os atentados ao World Trade Center, a morte de Ayrton Senna, a derrota na Copa de 1950, a Gripe Espanhola, entre outros.
Além de responder Dilma dizendo que a atitude dela era a de quem “bate a carteira e grita ‘pega ladrão”, FHC resolveu entrar na brincadeira. Com uma cédula de dois reais à mão, o ex-presidente foi fotografado pelo senador Cássio Cunha Lima fazendo referência ao Plano Real e ironizando: “Foi FHC”.
Por Lauro Jardim

Sem alma e insensível à dor - Diz Ricardo referindo-se a Dino


Considero grave o que li na página eletrônica - face - do Ricardo Murad referindo-se ao governador Flávio Dino, com o título "O Sonho Acabou"... Leiam aqui na minha coluna o que Ricardo escreveu:

O SONHO ACABOU....

Pacientes com câncer sofrem e o governador nem liga. Homem desumano.
O Ambulatório de Atenção aos Pacientes Oncológicos foi uma conquista que levou muitos anos para se tornar realidade e num piscar de olhos o sonho de milhares de famílias acabou. Elas que pela primeira vez tiveram atendimento digno para tratar uma doença tão dramática como o câncer. Fechar o ambulatório especializado que atendia com eficiência e conforto os maranhenses - não só da capital - é um crime que precisa ser denunciado pelas autoridades responsáveis pela saúde da população. Sem alma, e insensível à dor dessas pessoas e de suas famílias, Flávio Dino - ao fechar o ambulatório - trata todos como animais num hospital que não tem como atender esses pacientes porque todas as suas dependências estão comprometidas com os serviços de quimioterapia, internação clínica e cirúrgica de pacientes de todos os municípios do Estado, inclusive os fronteiriços ao Piauí que eram atendidos em Teresina. Todos esses pacientes são unânimes em afirmar que no Turú eram mais bem tratados, humana e clinicamente.
Então, não se justifica, sob nenhum argumento, a cessação de um atendimento numa área tão sensível como essa, dos portadores de câncer, por causa de uma vingança política porque o prédio onde funcionava o ambulatório pertence a uma empresa que tem como sócio o ex-candidato ao governo, Lobão Filho. Esse imóvel foi alugado até que o prédio definitivo do ambulatório especializado, que está sendo construído ao lado do Hospital Nina Rodrigues, unidade que faz parte do grande Programa Saúde é Vida que revolucionou o atendimento médico no Maranhão, ficasse pronto. O Centro Ambulatorial de Atenção à Saúde do Paciente Oncológico atendia mais de 150 pacientes por dia e já funcionava há mais de cinco meses. Oferecia atendimento de primeira linha, com 18 consultórios, vários serviços especializados dentre os quais médicos de dor, atendimento com nutricionistas, proctologistas, mastologistas, psicólogos e muitas outras especialidades voltadas para o atendimento integral do paciente portador de câncer, além de dispor de um amplo estacionamento e fácil acesso às pessoas que utilizam transporte público.

E o Canal do cohatrac?


Vou fazer preces, orar, rezar, pedir a Deus para que o prefeito Edivaldo Holanda Braga Junior descubra que existe o Canal do Cohatrac... Castelo começou - deixou quase terminado - e o Junior esqueceu de concluir...   

De HS, direto do Canal do Cohatrac  

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Bolsa Esposa, a nova moda!

Oi! Vai ser um festival.... Renan tirou pra fora e diz que o Senado não entra nessa...
Mas tem deputado vibrando com a Bolsa Esposa... É a chamada Bolsa Voadora... Esposas nas nuvens!
E a isso eles chamam de mudança... É a reforma política deles!
Êta meu Brasil, até quando?...

Pagamento de passagem aérea para senadores exclui cônjuges, afirma Renan



O Presidente do Senado, Renan Calheiros, perguntado nesta sexta-feira (27) se a Casa iria estender aos senadores o pagamento de passagens aéreas para cônjuges, negou que tal medida será adotada no Senado Federal.
— O Senado Federal tem feito um grande esforço nos últimos dois anos para reduzir seus custos sem afetar as rotinas da Casa. Vamos prosseguir neste rumo de cortar desperdícios, eliminar privilégios e abolir redundâncias — disse Renan.
Segundo o livro Contas Abertas, que é um relatório de gestão do biênio 2013-2014, o Senado Federal conseguiu reduzir em mais de 60% as despesas com passagens e diárias nos últimos anos.
Em 2010 os gastos com esse tipo de despesa chegou a R$ 16,2 milhões. Em 2013 essa rubrica consumiu R$ 5 milhões e, no ano passado, os gastos com diárias e passagens no Senado Federal caiu para R$ 2,8 milhões.
Renan Calheiros destacou ainda, durante a entrevista, que também houve redução de gastos em vários setores e ressaltou a economia registrada com a diminuição do pagamento de horas extras. Ainda de acordo com o livro Contas Abertas, em 2010 foram pagos R$ 63,7 milhões com horas extraordinárias e, agora em 2014, esse valor caiu para R$ 4,9 milhões. Uma redução de 61%.
Da Agência Senado.

COLUNA DO HÉLCIO

Bom Dia!

Hoje São Luís nasceu com o céu nublado e o Sol, preguiçosamente, enfrentando as nuvens fechadas em cortinas que tentam esconder os raios brilhantes do Rei nascente. Mas o Sol é forte e vai brilhar como nos outros dias.
Hoje é Dia do Idoso e de São Gabriel de Nossa Senhora das Dores.
Ah! Estava esquecendo!  Bento Gonçalves, mentor da revolução Farroupilha, trava (27 de fevereiro de 1844) um duelo de sabres como coronel Onofre Pires, que era seu primo e aliado. Depois foram desafetos. O fato aconteceu há 171 anos.

MINHA VISITA A MANOEL...



Ontem dei uma parada no blog para visitar amigos e lugares. Primeiramente uma passagem pela Câmara Municipal onde encontrei velhos e queridos companheiros. Já no fim da manha fui ao encontro do deputado Manoel Ribeiro na TV Maranhense. Manoel é meu amigo de muitos anos, companheiro de Câmara Municipal e, por muitos anos, presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão... A conversa foi só política. Falamos, principalmente, sobre o governo Dino, a atual administração de Edivaldo Junior e um pouco do atual momento da política nacional.

JUIZ AFASTADO


A corregedora nacional de Justiça, ministra Nancy Andrighi, determinou o afastamento do juiz Flávio Roberto de Souza, da 3ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, de todos os processos relativos ao empresário Eike Batista.
Nesta semana, o magistrado foi flagrado dirigindo um Porshe Cayenne do empresário. O veículo havia sido apreendido pela Polícia Federal junto com outros bens de Eike, por ordem do próprio juiz. Foi a defesa de Eike que denunciou que o automóvel estava estacionado no condomínio do juiz.

E A PASSAGEM PARA CÔNJUGES?... O POVO PAGA...


Ainda bem que o PSDB botou a boca no trombone... Vejam o que diz o partido dos tucanos:
"Para PSDB, pagamento de passagens para cônjuges de parlamentares é uma vergonha inadmissível
Para o líder do PSDB na Câmara, Carlos Sampaio (SP), e para a terceira secretária da Casa, deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP), o pagamento de passagens aéreas para esposas e maridos de parlamentares está na contramão do que a sociedade espera de seus representantes no Congresso.
O benefício foi aprovado pela Mesa Diretora da Câmara, com o voto contrário da deputada, representando a opinião do partido.
Segundo o líder, os deputados tucanos não usarão esses recursos. “É inaceitável que, num momento em que a sociedade é penalizada com o aumento de impostos e alta nos preços, conceda-se esse privilégio aos parlamentares. É um total desrespeito com os brasileiros, que já estão pagando o preço da incompetência do governo Dilma e agora, terão de arcar com essa mordomia. É um contrassenso. O PSDB não fará parte dessa vergonha, também em respeito aos próprios cônjuges de seus parlamentares”, afirmou Sampaio.
Para a deputada Mara Gabrilli, a Câmara não pode cometer o mesmo erro e a desfaçatez do governo, que exige sacrifícios da sociedade e não faz a sua parte. “A Câmara tem de dar o exemplo e abrir mão de despesas como essa, que a distanciam ainda mais de seus representados”, afirmou."
Fonte - Liderança do PSDB no Senado

DEU NA CBN/CURITIBA – JUSTUS É DENUNCIADO



O Ministério Público Estadual apresentou denúncia contra o deputado estadual e ex-presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, Nelson Justus (DEM), por envolvimento no escândalo dos “Diários Secretos”.
A denúncia é referente ao período entre 2007 e 2009, quando o deputado era presidente da Alep. Ele e outras 31 pessoas são acusadas de formação de quadrilha, peculato, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.

DUTRA EM PAÇO DO LUMIAR



O ex-deputado Domingos Dutra é agora residente fixo e com banca de advocacia no município de Paço do Lumiar – região metropolitana de São Luís.
O Dutra – tenho quase certeza firmada – vai participar ativamente da eleição municipal do Paço... Juro até em nome do Fufi – personagem histórica que azucrinou o Dutra - que ele – o Dutra – vai disputar a prefeitura do Paço...

Prefeito Edivaldo Holanda Júnior anuncia obras na Vila Janaína


Essa notícia é de terça-feira, dia 24. Vou guardar comigo, em meus arquivos, no velho Baú...  Espero que seja tudo real...
Como diria de avó... “Deixa ele trabalhar”... Leiam a notícia:
O Prefeito Edivaldo anunciou na noite desta terça-feira (24) o investimento na ordem de R$ 22,8 milhões para serviços de recapeamento, revitalização de vias e drenagem profunda para o bairro Vila Janaína, na região da Cidade Operária. O programa contemplará também os bairros Jardim América, Santa Clara, Vila Vitória e Vila Ryod e outras comunidades no entorno. O evento, realizado na Unidade de Educação Básica (U.E.B.) Santa Clara, contou com a presença maciça de vereadores e de toda a classe política, assim como da comunidade local, que lotou a quadra da U.E.B.
"Essa é uma grande obra para toda região da Cidade Operária e que vai beneficiar vários bairros, muitas ruas serão recuperadas. Estamos tendo o privilégio de atender um pedido antigo dos moradores desta área e proporcionar a eles mais qualidade de vida e conforto", frisou o prefeito Edivaldo, que estava acompanhado do secretariado municipal.

E O CANAL DO COHATRAC???...



Tô entendendo! Já entendi!!! Ele esqueceu o Canal do Cohatrac...  Castelo deixou quase tudo pronto... Ufa!... E o Edivaldo Junior esqueceu de terminar...

É RIPADA NO DINO...


É todo dia. Abre-se o face, pronto!... O Ricardo não deixa escapar uma vírgula para apertar o novo governador... É “porrada”, como dizia o velho Teodoro... Teodoro era um sapateiro lá da rua Jansen Muller dos meus tempos de moleque de calça curta...  Teodoro era getulista e bom sapateiro...!

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Professores e demais servidores do Estado do Paraná fazem passeata no centro de Curitiba



Professores e demais servidores do Estado fazem passeata no centro de Curitiba nesta quarta-feira. Eles se concentraram na Praça Rui Barbosa e na Praça Santos Andrade e vão se encontrar na Praça Tiradentes, para, então, segir até o Palácio Iguaçu.


O Estado Maior é um leão ferido


Oiá ele zangado: vai rasgar o jornal...
Alguns - os mais otimistas - diriam que o Estado Maior é um leão ferido. Outros dirão: é apenas um gatinho morto!
Mas o Estado Maior, uma chama de herança política ainda dando sinais de vida nos terreiros do Sarney, vem todo dia lançando torpedos pra cima de gente do reinado do dino... Já me disseram - e eu guardo segredo para não dizer quem me disse - que Flávio Dino e Edivaldão não tomam o cafe da manhã sem antes ler o Estado Maior... O EM é a entrada do cafezinho deles!
Hoje, com o título Pai é Pai, a coluna EM, do Jornal do Sarney, entrou de pau pra cima do Edivaldão, que, após calado por alguns dias: em silêncio, resolveu ocupar a tribuna da Assembleia para defender o filho prefeito... O EM deixa claro nas suas linhas que Edivaldo ficou atrapalhado e foi enquadrado pelos deputados Adriano Sarney e Wellington do Curso...
Edivaldo engoliu, no cafezinho da manhã, o EM de hoje!.. Engoliu - no seco, como dizia minha avó - sem água!!!