Busca

quinta-feira, 17 de março de 2016

Protestos contra o governo e nomeação Lula chegam a 11 capitais brasileiras



Manifestantes a favor do impeachment e contra a nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) a novo ministro-chefe da Casa Civil estão reunidos desde o fim da tarde desta quarta-feira (16) em frente ao Palácio do Planalto.

Segundo estimativas da Polícia Militar, o protesto já reúne cerca de 5 mill pessoas.

O trânsito em frente à Praça dos Três Poderes foi totalmente bloqueado em razão da mobilização, que começou por volta das 17h, reunindo pouco mais de 100 manifestantes.

Os grupos repetem a frase "Lula ladrão, seu lugar é na prisão" em frente à rampa do Palácio. Veículos também protestam no local com “buzinaço”.

Cerca de 50 policiais militares fazem a segurança do lado de fora do Palácio do Planalto, onde está também a guarda do Exército e seguranças da presidência.

No Twitter, os usuários pró-impeachment e contra a nomeação de Lula à Casa Civil têm usado a hashtag #OcupaBrasíliacomo forma de manifestação. O termo entrou nos Trending Topics da rede social no Brasil no início da noite.

Avenida Paulista

No final da tarde de hoje, cerca de 30 pessoas iniciaram um protesto no vão livre do Masp, na Avenida Paulista.

De acordo com o jornal Estadão, o ato foi organizado pelo movimento Na Ruas. Segundo a porta-voz do movimento, Carmen Lutti, tratava-se de uma manifestação organizada por "um grupo de cidadãos indignados".

O grupo de participantes que protestava contra a nomeação de Lula à Casa Civil repetindo frases: “Lula na cadeia" e "Fora PT” cresceu a partir das 19h.

Segundo a Veja São Paulo, depois da divulgação de grampos de diálogos ao telefone entre Lula e Dilma, “que indicam que a presidente agiu para tentar evitar a prisão de Lula”, a avenida foi fechada por manifestantes nos dois sentidos.

Mais de mil pessoas se aglomeram na área, incluindo pessoas recém-saídas do trabalho, e repetem as palavras de ordem “Fora PT” e carregam bandeiras do Brasil e apitos.

Nenhum comentário: