Busca

sábado, 7 de maio de 2016

Era um senador que adorava propina!!!



O procurador da República Athayde Ribeiro Costa afirmou que o ex-senador Gim Argello (PTB-DF) transformou as CPIs do Congresso abertas para investigar fraudes na Petrobras em um "balcão de negócios".

Denunciado formalmente nesta sexta-feira, 6, pelo Ministério Público Federal, em Curitiba, por cobrar R$ 5 milhões de pelo menos sete empreiteiras do cartel que atuava na Petrobras para que seus executivos fossem blindados contra as Comissões Parlamentares de Inquérito.

Nenhum comentário: