Busca

quarta-feira, 18 de maio de 2016

Paraná quer apoio do Governo Federal para revitalizar o Iguaçu


O programa do Governo do Paraná para revitalização do Rio Iguaçu - maior bacia fluvial do Estado – foi um dos principais temas tratados pelo governador Beto Richa e o ministro do Meio Ambiente, José Sarney Filho, nesta quarta-feira (18), em Brasília. Richa solicitou o apoio do Ministério para o programa. “A total revitalização do mais importante rio do Estado é esperada há décadas. Contamos com o suporte do governo federal para ajudar nessa missão. O esforço conjunto é que nos dará a garantia de atingir os nossos objetivos”, disse Richa.

O ministro José Sarney Filho se comprometeu a avaliar o projeto e destacou o fortalecimento das parcerias com os governos estaduais. Ele ressaltou a importância do Rio Iguaçu não só para o Paraná, mas para o Brasil, considerado o aspecto ambiente.

INTEGRADAS - O Plano de Revitalização do Rio Iguaçu envolve ações nos 109 municípios paranaenses integrantes da bacia hidrográfica. O Iguaçu tem 1.275 quilômetros de extensão e atravessa três planaltos, desde a Região Metropolitana de Curitiba até Foz do Iguaçu, no Oeste.

Anunciado por Richa em junho deste ano, o projeto prevê ações integradas e obras de infraestrutura para melhorar as condições de tratamento de esgoto sanitário e de resíduos sólidos e a recomposição de mata ciliar do Rio Iguaçu. Já foram executados o levantamento técnico, o diagnóstico e o planejamento para a revitalização.

O RIO IGUAÇU - Dos 399 municípios paranaenses, 109 pertencem à Bacia do Iguaçu, dividida em Alto, Médio e Baixo Iguaçu. Nestas áreas estão 33% do território do Paraná, 42% da população (4.389.809 habitantes) e alguns dos 10 municípios mais populosos, como Curitiba, Guarapuava, Cascavel e Foz do Iguaçu. Richa estava acompanhado na audiência com o secretário do Meio Ambiente do Paraná, Ricardo Soavinski.

Nenhum comentário: