Busca

quarta-feira, 14 de junho de 2017

TUDO DE AÉCIO FOI CORTADO, ATÉ SALÁRIO E CARRO OFICIAL


Depois de reportagens na imprensa apontarem que o senador Aécio Neves continua com seu gabinete funcionando no Senado, apesar da determinação do ministro Edson Fachin, do STF, para que fosse afastado das atividades parlamentares, o presidente do Senado, Eunício Oliveira, comunicou ao Supremo que descontará as faltas no salário do tucano e sua verba indenizatória, além de ter recolhido o carro oficial usado por ele; o nome de Aécio também foi retirado do painel de votações da Casa; pedido de prisão contra o parlamentar, com base na delação premiada da JBS na Lava Jato, será julgado no dia 20


Nenhum comentário: