Busca

quarta-feira, 4 de abril de 2018

Mourão: ‘se STF não cumprir com sua responsabilidade, entraremos na rota do caos, e só as Forças Armadas podem impedir isso’


Em entrevista à Rádio Cultura Riograndina, da cidade de Rio Grande (RS), o General Hamilton Mourão reafirmou a possibilidade de o Exército agir caso o Supremo Tribunal Federal não cumpra seu papel de combater a corrupção e a impunidade. O General Mourão afirmou que, se o STF não cumprir seu papel, colocará o Brasil no caminho do caos. E completou: “só tem alguém que pode impedir isso: são as Forças Armadas”.

Leia trecho da entrevista:

Meu pensamento é muito claro: nós vivemos uma crise político-policial. A política foi tomada por elementos totalmente desqualificados, muito bem definidos pelo José Padilha quando analisa o mecanismo que domina as relações entre os Poderes em nosso país. A realidade é que agora o Poder Judiciário tem a preponderância e a responsabilidade de executar a limpeza do cenário nacional, não permitindo que pessoas que roubaram, que participaram desse processo de corrupção, que praticamente colocaram o país com uma dívida enorme, e nos deixaram, no momento atual, praticamente sem norte, continuem a participar da vida pública. Essas pessoas têm que pagar pelos seus crimes e não podem mais participar da vida pública. A legislação é clara a esse respeito. Não podemos ter uma lei que serve para uns e não serve para outros. O princípio básico da democracia é que todos somos iguais perante a lei. O STF hoje tem a preponderância e, se ele não cumprir com a sua responsabilidade, nós entraremos na rota do caos. E a rota do caos, só tem alguém que pode impedir isso: são as Forças Armadas.

Nenhum comentário: