Busca

segunda-feira, 18 de maio de 2015

O crime avança no Maranhão... Todos estão com medo!


Tudo parece sem controle. O crime avança na Região Metropolitana de São Luís. Somente neste final de semana foram 10 mortes. Na cidade de São  Luís, o medo assusta.  O governo – do novo e da mudança – perdeu o controle: parece não saber resolver o problema...
Segurança Pública é importante, Sr. Governador!... As mudanças não chegaram... Ficaram no passado. Tudo foi apenas divertimento de campanha! A política brasileira deveria se pautar em compromissos republicanos!... 
Já publiquei aqui no blog – primeira postagem de hoje – o artigo do coronel Melo analisando a criminalidade no Maranhão, referindo-se, também, à morte do tenente Gilvan Roque Araújo Ramos, que foi assassinado a tiros no bairro Maranhão Novo.
Governador Flávio Dino, o Maranhão não aguenta mais a violência!
Vejam o texto, abaixo, do Portal G1-Ma, que relata, em detalhes, os crimes que foram registrados  de sexta–feira (15) até esse domingo (17).
Leiam:

Dez mortes violentas registradas na Região Metropolitana de São Luís

Crimes foram registrados de sexta (15) até esse domingo (17).
Policial militar está entre as vítimas.

Do G1 MA

Dados da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão ( SSP-MA) mostram que dez mortes violentas foram registradas em São Luís e Região Metropolitana nesse fim de semana. Desse total, foram seis homicídios, um latrocínio, um registro de lesão corporal seguida de morte e um achado de cadáver.
O primeiro caso foi registrado na Vila Industrial, em São Luís, na sexta-feira (15). A vítima foi identificada como Pedro Pereira Dutra, de 20 anos. Ele foi assassinado a golpes de faca. A polícia ainda não sabe a motivação do crime. Ainda na sexta, foi morto Claudinei Maia Gomes, de 30 anos. Ele foi morto a  facadas em uma rua do bairro da Cidade Olímpica. Ninguém foi preso até o momento.
No sábado (16), duas pessoas foram mortas por golpes de arma branca. O primeiro registro foi no Residencial João Alberto, na Vila Lobão. A vítima foi assassinado Charles Barroso de Jesus, de 34 anos. O segundo caso foi registrado no bairro da Cidade Operária. A vítima foi identificada como Carlos Alexsandro S. dos Passos, de 34 anos.
Também no sábado, Antônio Carlos Silva Frazão, de 27 anos, foi vítima de roubo seguido de morte, no Jardim São Cristóvão. Foi registrado um caso de lesão corporal seguida de morte. A vítima foi Adalberto Pires Sousa, de 26 anos. Ele foi vítima de arma de fogo no último dia 9, no Outeiro, em São José de Ribamar. Ele foi socorrido e estava internado, mas não resistiu e morreu no sábado.
No domingo (17), o tenente  Gilvan Roque Araújo Ramos, de 30 anos, foi assassinado a tiros no bairro Maranhão Novo, em São Luís. Três pessoas foram presas suspeitas de participar do assassinato. No Jardim São Cristóvão, foi registrado um latrocínio. A vítima foi identificada como Antônio Carlos Silva Frazão.
José Ribamar Pereira da Silva, de 37 anos, foi vítima de arma de fogo, na Vila Dr. Julinho, município de São José de Ribamar. Um homem identificado como Leandro Serra Costa, de 20 anos, morreu após ser atingido por disparos de arma de fogo. O corpo de Robson Mendes, foi encontrado boiando na praia de Boa Viagem, em São José de Ribamar.

Nenhum comentário: