Busca

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Ex-deputado André Vargas condenado a 14 anos de prisão


O juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos decorrentes da Operação Lava Jato em Curitiba, condenou nesta terça-feira o ex-deputado petista André Vargas a catorze anos e quatro meses de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Na mesma ação foram condenados também o irmão de Vargas, Leon, cuja pena pelos mesmos crimes foi de onze anos e quatro meses, e o publicitário Ricardo Hoffmann, com pena de doze anos e dez meses por corrupção ativa e lavagem de dinheiro. O magistrado decidiu, ainda, manter as prisões de Vargas e Hoffmann. Leon não está preso e pode recorrer em liberdade.

Nenhum comentário: