Busca

quinta-feira, 12 de novembro de 2015

Vereadores de Curitina debaterão impacto ambiental do metrô



O secretário municipal do Meio Ambiente, Renato Lima, apresentará dados sobre o impacto da obra do metrô, nesta segunda-feira (16), às 14h, aos vereadores da Comissão Especial do Metrô e da Comissão de Meio Ambiente, na Câmara Municipal. “Vai ser uma oportunidade para discutirmos o que foi divulgado em audiência pública do Executivo mês retrasado”, adianta Tico Kuzma (Pros), presidente da Comissão do Metrô, “e aprofundarmos o debate sobre o tema”.

No dia 22 de setembro, no Centro de Capacitação da Secretaria Municipal de Educação, a empresa Ecossistema Consultoria, responsável pelos estudos de impacto ambiental da obra do metrô em Curitiba, apresentou os dados do Estudo Complementar de Impacto Ambiental e do Relatório de Impacto ao Meio Ambiente (EIA-RIMA) da primeira linha de metrô da capital paranaense (leia mais). Os documentos revisam laudo anterior, elaborado em 2011 pela mesma empresa.

“Houve mudança no método de construção, então a Prefeitura de Curitiba teve que atualizar o Impacto Ambiental”, explica Kuzma. O vereador se refere ao Executivo ter mudado o edital da obra, alterando a forma de construção das vias de “cut and cover” (escavação seguida de cobertura do terreno aberto) e NATM para o método Shield, que usa máquina tuneladora. Os novos documentos ambientais consideram toda a extensão projetada para a Linha Azul: 22 km, que ligam o CIC-Sul ao Santa Cândida.

Além de Kuzma, integram a Comissão do Metrô os vereadores Serginho do Posto (PSDB), Carla Pimentel (PSC), Chico do Uberaba (PMN), Dona Lourdes (PSB), Helio Wirbiski (PPS) e Jonny Stica (PT). A Comissão de Meio Ambiente é presidida pelo líder do prefeito, Paulo Salamuni (PV), e composta por Aladim Luciano (PV) e Noemia Rocha (PMDB).  Bruno Pessuti (PSC) e Valdemir Soares (PRB) fazem parte das duas. O debate ocorrerá na sala de reuniões das comissões, no subsolo do Palácio Rio Branco.

Nenhum comentário: