Busca

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

OS ANJOS


Crônica do amanhecer

Hélcio Silva

(05/09/2016)

O sol vem com sua quinta grandeza iluminar as terras brasileiras, sem nada cobrar. A lua das madrugadas beija nossa floresta, nossos rios e mares... 

Sol e Lua, com a graça do Pai, são presentes divinos que precisamos admirar.

Porém, dias e noites se passam e não percebemos quanto de bem esses dois presentes são importantes para nós e para o planeta...

Estou a sentar-me na pedra grande no quintal de uma pequena casa no sertão ensolarada à beira de um riacho que abriu leito por entre uma linda vegetação que ainda sobrevive.

Abro o jornal do tempo.

Vejo o Brasil estraçalhado com um rombo fiscal de até R$ 170,5 bilhões em 2016.

Como sair disso? Confesso: não sei...

O arquiteto do estrago foi o PT. Mas o PT não fez isso sozinho. PC do B e PMDB eram sócios com grandes poderes de decisão neste projeto destruidor dos petistas.

O PMDB não pode sair batizado como anjinho do bem!

O PMDB tinha o comando da Câmara Federal, do Senado Federal e o vice da República era o Michelzão. Como isentar o partido da responsabilidade pelo caos?

Fico aqui, cá nesta pedra e sentado, pensando em pedir aos anjos que nos protejam.

Quero gritar daqui - onde só a pedra e o tempo guardam meu segredo... 

E grito:

“O Brasil precisa convocar uma Assembleia Constituinte com poderes para uma profunda reforma política, com eleições gerais de vereador a Presidente da República”.

E daqui, desta pedra, renovo meus pedidos aos anjos para que, se assim for possível, que sejam eleições limpas, sem corrupção..., e que somente os bons sejam eleitos.

“Ki” coisa!

Mas dirão os “entendidos” constitucionalistas: “Isso é irreal, loucura de quem só sabe sentar-se na pedra”.

E outra voz mansa tenta me convencer. E pede:

“Ajuda o Temer... O Brasil precisa ajudar o Temer!”.

Não dou ouvidos à voz mansa vinda do palácio sob o comando dos aliados do Michel..., o novo Rei da República.

Imagino um anjo descendo do céu!

E o anjo desce do céu na barca da quinta grandezas e recebo de presente um jornal colorido com os raios do sol... Vejo a manchete, cuja matéria publiquei no meu blog de hoje:

E o anjo pede que eu leia alto a manchete que vejo... E a leio:

"Papa pede orações pelo Brasil neste momento triste".

Leio também um pedacinho do texto: O papa Francisco pediu uma reza a Nossa Senhora Aparecida para que proteja "todo o Brasil e todo o povo brasileiro neste momento triste"...

Observo mais adiante, no mesmo texto: 

“O pontífice também convidou a rezar para que a imagem proteja os mais pobres, os idosos abandonados, as crianças de rua e os que caem nas mãos dos exploradores de todos os tipos e para que salve seu povo com a justiça social e com o amor de Jesus Cristo".

Agora, abro meu blog e lá revejo a matéria que hoje coloquei sobre Madre Teresa de Calcutá (o texto tem como fonte a CNBB).

E leio para os que creem:

“A misericórdia foi para ela o ‘sal’, que dava sabor a todas as suas obras, e a luz que iluminava a escuridão de todos aqueles que nem sequer tinham mais lágrimas para chorar pela sua pobreza e sofrimento”, disse o papa Francisco na missa de canonização de Madre Teresa de Calcutá, neste domingo, 4, na Praça São Pedro, no Vaticano. Participaram da celebração cerca de 120 mil fiéis de diversos lugares do mundo”.

E relembro o que ela disse, certa vez, certo dia, não sei quando: 

“Eu sei que meu trabalho é como uma gota no oceano, mas, sem ele, o oceano seria menor”. (Madre Teresa de Calcutá)

Entendemos que cada um precisa fazer sua parte nesta luta pela paz...

E o Brasil não está pacificado.

Enquanto houver somente ambição pelo poder não haverá paz. O poder precisa ser o trono da paz, nunca propriedade de uma elite ambiciosa.

Nenhum comentário: