Busca

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Aeronáutica da Colômbia confirma morte do goleiro Danilo

A Aeronáutica Civil da Colômbia confirmou a morte do goleiro Danilo, herói da Chapecoense na Copa Sul-Americana. Em uma lista de sobreviventes publicada pelo órgão no Twitter, o nome do arqueiro de 31 anos não está mais entre os sobreviventes.   


Até o momento, seis ocupantes do voo escaparam com vida: os jogadores Alan Ruschel, Jackson Follmann e Hélio Hermito Zampier Neto, a aeromoça Ximena Suárez, o técnico de voo Erwin Tumiri e o jornalista brasileiro Rafael Henzel.

Danilo era considerado o "herói" da classificação da Chapecoense na final da Copa Sul-Americana.


Nenhum comentário: