Busca

quinta-feira, 6 de abril de 2017

Moro condena André Vargas a 4 anos e meio na Lava Jato

O juiz federal Sergio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato em primeira instância, condenou o ex-deputado federal André Vargas (ex-PT-PR) a 4 anos e meio de prisão pelo crime de lavagem de dinheiro. O ex-parlamentar, inicialmente, cumprirá a pena em regime fechado.

Segundo a denúncia do Ministério Público Federal (MPF), Vargas e sua mulher Eidilaira Soares Gomes teriam adquirido, com a ajuda do irmão do ex-deputado, Leon Denis Vargas Ilário, um imóvel no valor 980 mil reais para esconder a origem ilícita do dinheiro.

“Também teriam utilizados expedientes escusos para dificultar o rastreamento dos recursos utilizados na aquisição, como a realização de depósitos elevados em espécie, sem identificação do depositante, e mesmo a utilização de pessoa interposta”, diz a denúncia.

Nenhum comentário: