Busca

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Sou asa do vento


Crônica da tarde

Hélcio Silva

19 de maio de 2017







A chuva cai forte na cidade. Forte é sua correnteza arrancando os últimos cascalhos de asfalto. Uma verdade é certa! Certeza: a chuva chegou para provar que a cidade não tem prefeito...

Cheguei molhado, ensopado da água da chuva...

Arrasto uma toalha no corpo para enxugar a pele molhada por esta chuva de d’tarde... Abro o face e vou à internet... Vejo logo e leio uma indagação de Pedro Gomes: “Quem assumiria o governo do Maranhão, sendo Flávio Dino afastado do cargo, a exemplo dos nove governadores investigados pela Operação Lava Jato ???...”

- Pedro, o presidente da Assembleia assume o cargo...

Abro minha mente para o tempo e entendo que o arrazoado do Pedro pode ser verdadeiro: O Dino pode ser afastado...

E se isso acontecer, muitos entrarão em cantos de exaltação e alegria..., porém, nunca ninguém tão alegre como o Ricardo... Ricardo exaltar-se-á mais do que todos!...

E eu? Nada digo... Nada falo... Sou apenas um andante, um andarilho do infinito... Sou asa do vento / um vento sem asa / um corpo que voa / sem asa pra voar... Sou nada / Sou tudo... E não sei se sou nada ou tudo do que disse!... E quando deixar a Terra não saberei o que serei e nem o que fui realmente... Eu sou! Sou Hélcio!... Apenas isso!... 

Nenhum comentário: