Busca

sábado, 3 de junho de 2017

Procuradoria-Geral da República denuncia Aécio por corrupção e obstrução de Justiça


A Procuradoria-Geral da República denunciou nesta sexta-feira ao Supremo Tribunal Federal (STF) o senador afastado Aécio Neves (PSDB-MG) por corrupção passiva e obstrução de Justiça a partir da delação feita por empresários do grupo J&F.

O tucano é acusado pelo Ministério Público de ter usado o cargo para defender interesses da J&F, controladora da JBS , em troca do recebimento de propina. Aécio teve uma conversa interceptada na qual pedia 2 milhões de reais a Joesley Batista, um dos donos do grupo e que fez delação premiada.

Nenhum comentário: