Busca

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Casa de festas do governo Roseana Sarney vai acolher crianças em tratamento médico

Cunha Santos

Casa de Apoio do Projeto Ninar inaugura na terça feira (4) e profissionais destacam a grande mudança prática e simbólica da Casa de Veraneio do Governo do Estado.


A transformação da antiga Casa de Veraneio em um espaço de apoio para crianças em tratamento médico e suas famílias representa uma grande mudança prática e simbólica ao mesmo tempo, de acordo com profissionais que vão trabalhar no local. Trata-se da Casa de Apoio do Projeto Ninar, que será inaugurada nesta terça-feira (4).

A antiga Casa de Veraneio passou por uma reforma completa para que pudesse ser entregue à população. Foi um compromisso assumido pelo governador Flávio Dino logo que tomou posse. A casa sempre pertenceu ao povo maranhense, mas não era usada para esse fim. Ela era conhecida pelas festas dadas antes de 2015.

O espaço agora amplia o atendimento realizado no Centro de Referência em Neurodesenvolvimento, Assistência e Reabilitação de Crianças (Ninar), em São Luís.

“Era uma casa de festas, e agora é uma casa onde a gente festeja a saúde”, diz a oftalmologista Elaine Costa, uma das integrantes da equipe de profissionais do local.

Patrícia Trinta, fonoaudióloga, afirma que “a gente continua festejando porque está cuidando das crianças”. “A gente está alegre e feliz porque estamos cuidando dessas crianças, num ambiente alto astral, à beira do mar, num cenário lindíssimo”, acrescenta Patrícia.

O educador musical Paulo Cardoso diz que a ideia é que, para as crianças, “todos os dias sejam de festa”. E também “sejam os melhores dias dessas crianças aqui nessa casa”.

“O espaço agora é uma casa de família, no sentido de que as famílias agora é que estão sendo beneficiadas”, afirma Patrícia da Silva Sousa, diretora clínica e responsável pelo projeto.

Para Valéria Ferreira Pereira Souza, coordenadora da equipe multidisciplinar, o maior foco da Casa de Apoio é estabelecer o vínculo dos pais com os bebês. “Oferecemos cuidados e orientações, ensinando os pais a estimular os filhos em todas as áreas de desenvolvimento”.

A terapeuta ocupacional Ticiana Campelo afirma que as orientações vão reforçar para os pais que eles são capazes de cuidar dos filhos da melhor maneira possível: “E mostrar que eles podem fazer isso em casa também”.

“Nós formamos uma família que vai ajudar as outras famílias”, diz a fisioterapeuta Willeilane Lima.

Nenhum comentário: