Busca

quinta-feira, 27 de julho de 2017

Chefe da ONU elogia fim da crise na Cidade Velha de Jerusalém

O secretário-geral da ONU afirmou esperar que o diálogo continue e leve a um ambiente de confiança entre as comunidades locais; desde o início dos incidentes violentos na área, as Nações Unidas manifestaram preocupação com a tensão.

António Guterres. Foto: ONU/Rick Bajornas
Monica Grayley, da ONU News em Nova Iorque.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, saudou a notícia de que a crise na Cidade Velha de Jerusalém foi encerrada, de acordo com o status de antes de 14 de julho para os sítios considerados sagrados na cidade.

Em nota, emitida pelo seu vice-porta-voz, Farhan Haq, Guterres afirmou esperar que o diálogo continue e contribua para criar um ambiente de confiança entre as comunidades israelenses e palestinas.

Confrontos

Desde 14 de julho, a Cidade Velha de Jerusalém e a Cisjordânia estava registrando uma série de incidentes violentos com mortes de palestinos e israelenses em confrontos.

O Conselho de Segurança, o chefe da ONU e o coordenador para o Processo de Paz no Oriente Médio emitiram notas separadas manifestando preocupação e pedindo moderação de ambas as partes.

O porta-voz de António Guterres encerrou a comunicação desta quinta-feira dizendo que o chefe da ONU continua engajado com todos os interessados no processo para promover o diálogo e a confiança.

Nenhum comentário: