Busca

quarta-feira, 22 de julho de 2015

Endoidou tudo aqui

Crônica do amanhecer... 

De HS

Parece que tudo endoidou por aqui. Ontem foi a frase maluca do Ricardo, que demorei acreditar ser verdade: “Esse é o governo de Flávio Dino, o “governo da propina”, nem índio escapa.”
Há dias venho tentando não crer nessa história do índio que deu propina. Mas hoje a moça, assessora especial do governo, que teria recebido um ou dois depósito na sua conta, pediu demissão do cargo.  Li a cartinha de demissão, dizendo que ela - a moça - vai provar sua inocência.
Logo pela manhã, nesta manhãzinha azulada de hoje, vejo esta manchete no blog do Cardoso: “Assessora do governo pede afastamento do cargo e índio diz que tem mais gente que pediu propina”.
Mais um pouco abaixo da manchete, diz LC: “Acusada de receber R$ 8 mil em propina do líder indígena Uirauchene Alves Soares, Simone Limeira (PCdoB), pediu hoje o afastamento do cargo de comissão, em reunião realizada no Palácio dos Leões”.
Fico cá pensando comigo daqui deste sul brasileiro, sentado num banquinho à frente de uma bela árvore onde canta o bem-te-vi, e pergunto:  “Esse não era o governo da mudança, da ética?”  
Para completar o desaforo desta manhã, leio o artigo de Zé Reinaldo, ex-governador do Maranhão, bajulando o Sarney, pedindo arrego, dizendo falar em nome de “um pacto pelo Maranhão”...
Oxente!...  Uirauchene!... Uiraucheque!... Salve o Rei Sebastião e o seu touro encantado das águas dos lençóis!... Salve cacique Japiaçu, rei dos tupinambás!...

De HS, direto do infinito...

Nenhum comentário: