Busca

quarta-feira, 8 de julho de 2015

Senador diz que país está sem rumo


O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) afirmou, em aparte ao senador Cristovam Buarque, no plenário do Senado Federal, que o País está sem rumo. Ao comentar a situação do país, ele alertou que há uma completa falta de governo e perda de credibilidade da Presidente Dilma Rousseff, o que gerou a “maior crise política, econômica, social e moral” que ele presenciou em todos os seus anos de vida pública.
– Nós estamos em uma imensa crise e sem rumo. E o pior, cada vez que a Presidente fala, aprofunda essa crise.
É fundamental para o Executivo ter credibilidade: aquela percepção da população, mesmo dos que são opostos, que ali tem uma liderança que conduz, que tem força, tem boa-fé e está rodeada do que há de melhor no país. Isso foi perdido. – afirmou o senador.
Diante dessa situação, ele defende um amplo debate no Congresso em torno da busca de solução, que possa mostrar ao país os novos rumos a serem seguido.

– É preciso encontrar uma saída. Hoje, mais do que nunca, é preciso reunir todos os esforços. A saída está no parlamento, e cabe ao Congresso a responsabilidade de mostrar ao país novos rumos. Precisamos reunir políticos com experiência e credibilidade para que possamos sentar, e começar a discutir uma saída que aponte para o País um novo rumo; e dar ao Brasil a sensação de que há alguém cuidando deste País,  concluiuTasso.

Nenhum comentário: