Busca

domingo, 13 de maio de 2018

Eu Amo Ser Mãe



Ana Paula Cozzolino

- Curitiba - 

Ser mãe...

Não é fácil!!! Não mesmo!!
Já chorei, já surtei, já perdi a paciência!!
Passei noites em claro pensando onde eu tinha errado, o que eu deveria fazer.
Já quis pedir socorro! E pedi!!
Cometi erros tentando acertar.
Acertei sem saber se era a decisão correta.
Fui mãe muito nova, tinha 17 anos, não sabia trocar uma fralda.
O nervosismo de cuidar de um ser tão pequeno era tão grande que na primeira vez de medicar troquei os remédios... Pensa no desespero!
Aprendi mais do que ensinei!
E os filhos crescem mas as noites insones permanecem, por outros motivos, mas permanecem.
É ir ao mercado, a panificadora e comprar aquilo que não era a sua vontade, mas dos filhos.
É preparar o jantar com vontade de comer um omelete, mas fazer um macarrão ao molho branco.
Hoje eu ouvi que sou mãe coruja.
O que é ser mãe coruja?!
Respondi: Sou, deveria ser menos, mas sou!!
E quer saber: não foi fácil, não é fácil, mas eu amo ser mãe!!!

Nenhum comentário: