Busca

quinta-feira, 9 de julho de 2015

Quando o silêncio é o mestre da vida

Crônica do amanhecer

De HS

Muitos sonhos..., sonhos de esperança!..., e o silêncio sábio!..., que nunca fala, segue... e te ensina o caminhar da vida!
Pergunta-se ao vento se conhece todo o Universo ou se circula só em nosso planeta; e ele, silencioso ou em alvoroço, agitado, forte ou brando, vai passando, e nada responde... Resguarda-se em seu sábio silêncio.
Pergunta-se ao tempo quanto tempo ele tem de tempo ou quanto tempo ele ainda vai ter de tempo; e ele passa mansinho como eterno sábio, silencioso, apenas sorrindo...
O velho cansado, de mãos calejadas, olha o menino que nasce e, a ele, em silêncio, oferece um sorriso de amor, num aconchego de paz...
Uma festa de luz renasce no Universo e vem saudando o novo que nasce, a esperança que traz, que cresce, que luta, que vence..., em silêncio!
Mas todos nós também guardamos, em silêncio, muitos dos nossos sonhos e com eles acumulamos saber e esperança, muitos projetos de vida, que só Deus sabe...
E sabemos que muitos sonhos ainda se aquietam silenciosamente em nossos corações!
E eles - os sonhos não revelados – são lições nesta Escola silenciosa da vida, onde aprendemos, a cada momento, com a sabedoria do silêncio.
O silêncio, em muitos casos, é o mestre da vida.

De HS, com seus sonhos ainda dormindo silenciosamente!


Nenhum comentário: